sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

Ministro Fernando Haddad Deverá Confirmar Reajuste de 22% para Piso de Professores

Ao fixar piso, Fernando Haddad resolve último impasse como ministro. Uma boa notícia para os professores de todo o País. O ministro da Educação, Fernando Haddad, deverá confirmar o reajuste de 22,22% no piso nacional dos professores da rede pública, antecipou ao portal Nominuto.com a deputada federal Fátima Bezerra (PT).
Com o reajuste, o valor passa de R$ 1.187,00 para R$ 1.450,75. Com o anúncio, Haddad se desvencilha do último impasse enquanto ministro. Ele renunciará para concorrer à Prefeitura de São Paulo.
O valor ficou bem acima dos 5% de reajuste que foram cogitados ao fim dos trabalhos legislativos do ano passado. Na ocasião, recurso interposto pela deputada Fátima Bezerra, da Comissão de Educação e Cultura, impediu a manobra.
"Há uma pressão de governadores e prefeitos contra o percentual de reajuste de 22,22%, razão pela qual a categoria deve manter-se mobilizada para fazer valer esse direito", defendeu a parlamentar.
Haddad disse ao presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação, Roberto Leão, durante audiência nesta quinta-feira (12), que a correção do valor do piso salarial profissional do magistério seguirá a lógica da Lei 11.738, que regulamenta o assunto.
No Rio Grande do Norte, o anúncio do reajuste chega o dia após a governadora Rosalba Ciarlini (DEM) afirmar em entrevista ao Jornal 96 que cumprirá todos os reajustes determinados por lei e que instituam majoração salarial para a classe de professores.
A governadora se disse conhecedora da luta pela implantação do piso e que não descumpriria um direito reivindicado há tempos pela categoria.
Fonte: Mandato de Fátima Bezerra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário