sexta-feira, 5 de maio de 2017

CNBB vê democracia ameaçada sob Temer


IMG_2277
O Estado democrático de direito, reconquistado com intensa participação popular após o regime de exceção, corre riscos na medida em que crescem o descrédito e o desencanto com a política e com os Poderes da República cuja prática tem demonstrado enorme distanciamento das aspirações de grande parte da população”, diz texto lidopelo secretário-geral da CNBB, Leonardo Ulrich Steiner, durante encerramento da 55.ª Assembleia Geral da CNBB, em Aparecida (SP); pesquisas recentes demonstram que Michel Temer e sua agenda são rejeitados pela quase totalidade dos brasileiros.

2 comentários:

  1. Os dirigentes católicos estão desorientados. Será que é a possibilidade das igrejas finalmente pagarem impostos, tá na hora. Sou cristão, católico e no momento "de greve" com a SACOLINHA. Dinheiro só para o papa CHICO.

    ResponderExcluir
  2. Mesmo sendo do Psol, é hora de eleger o professor Robério Paulino.
    Para o senado : Tião Couto , Federal : quem votar com o governo ou um nome novo que transmita credibilidade e para Deputado Estadual : se for candidato Genivan Vale , se não , repetir Kelps. O outro senador , não sendo Alves e Nem Maia já é um bom começo.

    ResponderExcluir