sexta-feira, 10 de abril de 2015

Governo Robinson chega a 100 dias de gestão e destaca ações e compromissos


robinson100
“Chegamos aos 100 dias do Governo com a sensação de que faremos das pedras do caminho o alicerce para a construção de um Governo sério e comprometido com o trabalho e com os anseios do povo”. Com essas palavras o Governador Robinson Faria resume a chegada do centésimo dia do seu mandato, enfatizando algumas ações que demonstram o espírito de trabalho que ele trouxe consigo, acompanhado do mesmo sentimento por sua equipe: “Livres das amarras de acordos políticos durante o pleito que me elegeu Governador, pude escolher por critérios absolutamente técnico todos os meus auxiliares. Isso é bom para o Rio Grande do Norte porque estamos cercados de profissionais competentes e dispostos a gerir a coisa pública com zelo e responsabilidade”, disse o governador, recordando que uma outra marca de sua gestão é a busca pelo diálogo com os outros Poderes constituídos, estreitando os interesses em prol da sociedade seja no âmbito do Judiciário, Legislativo, Ministério público, sindicatos, entidades e toda a sociedade potiguar.
Robinson Faria também destaca algumas ações nesse primeiro momento como, por exemplo, não atrasar o pagamento dos salários do servidor público estadual, ativos e inativos; a busca de equilíbrio fiscal e de liquidez tributária, com medidas tomadas pelas Secretarias de Tributação, do Planejamento, em parceria com o Ministério Público, para diminuir a sonegação fiscal; no âmbito da Segurança Pública, diminuição dos índices de violência, principalmente em grandes datas festivas como o carnaval, devido ao fato de o Estado ter pago adiantado diárias operacionais para ter mais policiais nas ruas. Sua visão empreendedora o levou a buscar negociações com empresários interessados em investir no Estado, e algumas delas já demonstram resultado, como o caso da volta de voos nacionais e internacionais, incrementando, portanto o turismo estadual. A articulação com o Governo Federal também garantiu nesses primeiros 100 dias a assinatura de convênio com o Ministério das Cidades para as obras de saneamento da capital, que sairá da cobertura de 36% para 100%, beneficiando mais de 1,2 milhões de pessoas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário