sábado, 13 de agosto de 2016

Do Blog Sertão Caboclo

VERSEJANDO SOBRE A APLA















De ideias brilhantes surge um plano
Com o objetivo, a pretensão
Incentivo a valorização
Para uma entidade que assegura
O apoio, o espaço, a acolhida
Que deseja fazer de forma unida
O engrandecimento da cultura


Nasce a Academia Patuense
Sob o crivo da organização
Mais de um ano já tem de fundação
Vai aos poucos firmando os seus princípios
Da cultura pretende ser empório
Abrangendo o grande território
De Patu e mais quatro municípios


Olho D’água do Borges e Patu
Estendendo-se a Rafael Godeiro
Tem Messias Targino no roteiro
E Almino Afonso outra cidade
Neste âmbito floresce a Academia
O seu lema diz que Sabedoria
Só é nobre se tem Alteridade


Bons propósitos e metas tem a APLA
Para ver a cultura florescer
Ampliando o mundo do saber
Apoiando o trabalho, a criação
Do poeta, do músico e do pintor
Dramaturgo, cantor e escritor
Dançarino, escultor e artesão


É papel desta organização
Ser aporte para a literatura
Com a linha de ação que assegura
Cada uma pessoa que pertence
Ao campo das Letras e das Artes
Para assim promover os baluartes
Que constroem a cultura patuense.

Nenhum comentário:

Postar um comentário