segunda-feira, 28 de setembro de 2015

EMPARN desenvolve projeto sobre as boas práticas do caju


O SEBRAE - TEC/CAJU, em parceria com a Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (EMPARN) está desenvolvendo um projeto sobre  "Boas Práticas Agrícolas na Cultura do Caju" nos municípios de Lagoa Nova, Tenente Laurentino Cruz, Cerro-Corá, Florânia e São Vicente, com produtores de caju da Serra de Santana.
        Segundo o pesquisador da EMPARN  Amilton Gurgel Guerra, o objetivo é  trabalhar com boas práticas agrícolas na cultura do caju, inserida no Sistema de Produção Integrada do Caju. O projeto tem um prazo de dois anos para ser implantado, tendo como público-alvo 35 produtores de caju.
          A metodologia aplicada nos treinamentos consiste na distribuição dos produtores em grupos de seis pessoas por município. Essa divisão facilita a aplicação do conceito da produção integrada de caju, com foco na redução de agrotóxicos e no monitoramento e respeito ao meio ambiente, colocando o Limite Máximo de Resíduos (LMR) permitido.
         Ainda de acordo com pesquisador, para o bom desenvolvimento do projeto são realizadas visitas in loco semanalmente, com a apresentação de boas práticas agrícolas, discussão aberta com os produtores e avaliação dos resultados das análise de solo-planta-temperatura.

Nenhum comentário:

Postar um comentário