sábado, 22 de fevereiro de 2014

Prognóstico é de chuvas dentro da normalidade para o semiárido


Gilmar Bristot apresenta análises meteorológicas para o Estado
Gilmar Bristot apresenta análises meteorológicas para o Estado

Segundo as análises, apresentadas na III Reunião de Análise e Previsão Climáticapara o Norte do Nordeste do Brasil,a probabilidade de índices pluviométricos normais é de 45%, no Rio Grande do Norte.  Porém, o prognóstico também aponta 30% para que sejam abaixo do normal e 25%, acima do normal. Durante apresentação das análises, Gilmar Bristot lembrou da importância dessa previsão, já que corresponde ao período que mais se registra chuvas nas regiões afetadas pelo desabastecimento. “Se não chove nesse período [entre os meses de março e maio] fica difícil no resto do ano”, disse ele.

O meteorologista afirma que as previsões para este ano são melhores que em 2013, mas ainda se considera chuvas entre o nível normal e abaixo da normalidade em 2014. “Essas chuvas já devem começar entre o fim de fevereiro e o início de março. Por isso, já foi recomendado que os agricultores do Alto Oeste e da região Central, incluindo o Seridó, comecem o plantio, para que o período mais provável das chuvas coincida com o período em que a água é essencial à plantação, em meados de março”, destaca Gilmar Bristot.
Fonte: Emparn/Via Blog do Pôla Pinto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário